A super técnica de 1% melhor mudou a história.

O Los Angeles Lakers de 1986 foi uma das equipes de basquete mais talentosas já montada, mas raramente são lembrados dessa forma.

A equipe começou a temporada 1985-86 da NBA com um recorde de 29-5. "Os especialistas diziam que poderíamos ser o melhor time da história do basquete", disse o treinador Pat Riley zombateiramente após a temporada.

Apesar de seu talento, o Lakers tropeçou nos playoffs em 1986 e sofreu uma surpreendente derrota no fim da temporada, nas finais da Conferência Oeste. O "melhor time da história do basquete" nem sequer jogou no campeonato NBA naquele ano.

Como treinador, Pat Riley estava cansado de ouvir sobre o quanto talento seus jogadores tiveram e sobre o quanto sua equipe tinha potencial. Ele não queria ver os flashes de brilhantismo seguidos por uma transição gradual de volta à mediocridade. Ele queria que o Lakers jogasse cada vez melhor, apenas evoluindo.

No verão de 1986, Riley criou um plano para fazer exatamente isso.

Passo 1: Buscando o seu número

Após a temporada de 1986, Riley revelou um novo programa que ele chamou de “Melhor Esforço da Carreira” ou CBE.

"Quando os jogadores entravam no Lakers", Riley explicou, "nós verificávamos as suas estatísticas de basquete desde a escola. Eu chamo isso de Tomar Seu Número. Nós olhamos para um indicador preciso do que um jogador pode fazer, então o construímos em nosso plano para a equipe, baseado na noção de que ele vai manter e, em seguida, melhorar a suas médias."

Você notará que Riley estava interessado na velocidade média de seus jogadores. Seu primeiro cálculo era entender qual seria a performance esperada de cada um, não apenas no seu melhor dia.

Passo 2: Calculando o seu CBE

Eu não sei fórmula exata de Riley, mas aqui está o que o cálculo CBE pode parecer, na prática:

Vamos dizer que Magic Johnson fez 11 pontos, 8 rebotes, 12 assistências, 2 roubos de bola e cinco turnovers em um jogo particular. Magic também tem crédito para um "herói anônimo" devido ao mergulho depois de uma bola solta (1). Finalmente, ele jogou um total de 33 minutos neste jogo imaginário.

Se somarmos todos os números positivos (11 + 8 + 12 + 2 + 1), obtemos 34. Em seguida, subtraímos os cinco turnovers (34-5) para obter 29. Por último, dividimos 29 por 33 minutos.
29/33 = 0,879

Neste exemplo, o CBE de Magic teria sido 879. Este número foi calculado para todos os jogos de um jogador e ele foi então pedido para melhorar a sua média CBE em 1% por temporada. Riley sabia que, se o Lakers agregasse muitas pequenas melhorias individuais, poderiam atingir um grande salto no desempenho da equipe.

Passo 3: comparações históricas

Ao longo da temporada de 1987, Riley foi comparando constantemente o atual CBE de cada jogador, não só com as suas performances passadas, mas também outros jogadores de todo o campeonato. Como Riley disse, "Nós ranqueamos membros da equipe ao lado de adversários da liga que jogam na mesma posição e têm funções semelhantes."

Riley destacou os melhores desempenhos no campeonato com uma rotulação corajosa na lousa a cada semana e os mediu contra os jogadores correspondentes da sua própria equipe.

Imagine que você é um dos jogadores. Toda semana você caminhar para o vestiário e ver o seu nome colocado no ranking ao lado de Michael Jordan ou Larry Bird ou algum outro concorrente em toda a liga. Você está constantemente ciente de como está seu desempenho em relação à concorrência e em relação ao seu desempenho médio. É impossível mentir para si mesmo se você está jogando bem ou mal. Você está constantemente consciente de suas escolhas, suas ações e seu desempenho.

Compare essa situação como a maioria de nós vivemos nossas vidas. Não rastreamos ou medimos as coisas que dizemos ser importantes para nós. Nós criamos desculpas, racionalizamos e mentimos para nós mesmos sobre o nosso desempenho diário. Não temos nenhuma evidência se estamos realizando melhor ou pior em relação aos meses ou anos anteriores. Não é difícil ver por que o programa CBE entregou resultados.

Os resultados da CBE

O Los Angeles Lakers começou a executar o programa CBE em outubro de 1986. Oito meses depois, eles eram campeões da NBA. No ano seguinte, durante a temporada de 1987-1988, Pat Riley levou sua equipe para outro título, o Lakers se tornou a primeira equipe em 20 anos a vencer dois campeonatos consecutivos da NBA.

"Sustentar um esforço é a coisa mais importante para pessoa. O caminho para ser bem-sucedido é aprender como fazer as coisas direito, em seguida, fazê-los cada vez melhor." -Pat Riley

O que gera a grande performance?

Há uma lacuna surpreendentemente estreita que separa o bom desempenho do excelente desempenho. E essa lacuna estreita é separada por pequenos hábitos e rituais diários.

Apaixonar-se pelo tédio não é sexy. Obtendo 1% melhor, não vai fazer manchetes, porém, há uma coisa sobre isso: funciona.

E se você, como Free LifeStyle, buscasse para que sua vida ficasse 1% melhor a cada mês, o que você mediria?

Fonte: James Clear

Compartilhar no Facebook