Não seja igual a ninguém.

Eu imagino que você, assim como eu, já esteve ou pode até estar passando por isso agora, e se por acaso vier a passar novamente, lembre-se desse texto ao pensar: "Como eu queria ser aquela pessoa".
Esse desejo pode ser quase como nesses filmes em que as pessoas trocam de corpos, como aquele brasileiro “Se eu fosse você”, com o Tony Ramos. E por que não?

Ora, nós nascemos completamente diferentes, únicos mesmo: para não sermos iguais, para que essas nossas singularidades possam florescer e fazermos algo significativo de alguma forma.

Várias vezes eu vi aquelas pessoas famosas e pensei: "Nossa, que da hora, queria ser assim". Mas eu não entendo bem aquela realidade para ter certeza. Você já notou quantos famosos cometeram suicídio, quantos entram em depressão, quantos fogem para o mundo das drogas? Sabia que muitos não podem sair do quarto sem um segurança? Já imaginou que chato?

A questão é que quanto mais você pensa em ser como alguém, mais estará fugindo da sua essência, e ela é o seu melhor jeito de ser. É natural, é autêntico. Você gosta de coisas autênticas, não?

Pegue uma pessoa que vive fingindo e isso fica na cara, não é meio desagradável?

Normalmente, as pessoas que se destacam respeitam muito suas individualidades, e acabam sendo vistas porque isso fica bem perceptível. Enquanto isso, grande parte prefere apostar em deixar de ser o que é para tentar ser o outro, pois aquele já deu certo. Isso é preguiça aguda, ambição insensata pelo “sucesso” e idiotice.

Algumas pessoas nasceram para falar com mais gente, outras não. Mas nenhuma é melhor do que a outra. Porque alguém está na TV ou em um palco, não quer dizer, de forma alguma, que é melhor do que você; tampouco está contribuindo com o mundo mais do que você.

Essa comparação que é o grande problema!

Como Free LifeStyle, primeiro aceite que somos únicos e esse é o barato da coisa, e que sim, você pode admirar muito outras pessoas e usar isso para evoluir, desenvolver ainda mais aquilo que você já é ou aperfeiçoar, mas não se transformar, pois quanto mais você tentar ser outro, menos será você e isso não tem como dar certo, de forma alguma.

Compartilhar no Facebook